Ciclistas na contramão: a causa certa pela via errada

Leitores do Guia São Luiz têm enviado reclamações quanto a circulação de bicicletas na contramão das vias da cidade. A equipe de reportagem do Guia saiu as ruas e flagrou alguns casos de ciclistas que estavam andando no sentido contrário ao fluxo de veículos.

O número elevado de veículos no centro da cidade está fazendo com que a procura por meios de locomoção alternativos aumente. O uso da bicicleta surge como um meio transporte leve, rápido e limpo. Mas é preciso estar atento ao Código de Trânsito Brasileiro, pois é ele quem garante regras e direitos aos ciclistas.

Além de ser proibido pelo Código de Trânsito Brasileiro, é de conhecimento popular que andar de bicicleta na contramão do trânsito é mais arriscado e, quando ocorre colisão, os danos são maiores. O que pode ser considerado como uma “falta boba” por parte dos ciclistas, na verdade está comprometendo a segurança que a mão única deveria garantir a motoristas, pedestres e a eles mesmos, os ciclistas.

Veículos e pedestres que chegam ao entroncamento de vias de mão única, e olham para o único lado em que é possível trafegar, na ausência de carros transitando naquela direção, irão atravessar a via cientes de que nenhum veículo poderá vir da outra direção. O que pode ocasionar uma colisão, caso um ciclista trafegue na contramão.

Ao contrário do que se pensa, andar a favor do fluxo normal dos outros veículos faz com que o ciclista chegue mais depressa ao seu destino. Quando se está na contramão o ciclista tem que parar ou diminuir o seu ritmo a todo instante. O que não acontece, ou acontece em número muito menor, quando se está integrado ao fluxo de veículos. Estudos científicos sobre colisões, comprovam que ciclistas que andam na mão correta têm cinco vezes menos chances de colisão, comparado ao ciclista que anda na contramão.

A reportagem do Guia ouviu, sob a condição de anonimato, dois ciclistas que trafegavam na contramão de uma das vias de maior movimento da cidade. O primeiro, um jovem de 16 anos,  foi indagado sobre o fato de estar circulando no sentido contrário da pista e disse não ter conhecimento sobre a lei: ” nem sabia que tinha lei pra bicicleta, nunca ouvi falar.” O segundo, um homem de 25 anos disse ter conhecimento da lei, mas não ter tempo para segui-la.  “Conheço a lei por alto. Mas se for seguir a lei, além do meu caminho ficar maior vou pegar subidas que consigo desviar andando na contramão. Vou perder muito tempo.”

A reportagem do Guia não obteve estatísticas, para uma melhor explanação de dados,  pois no site do DETRAN/RS não constam números de acidentes que tenham sido ocasionados ou que tenham o envolvimento de ciclistas.

Dica de matéria de Victor Carlotto

Texto e fotos de José Borges/Guia São Luiz

loading...

39 Comentários

  1. É brabo. Por essas o Brasil anda para trás. Se um desavisado lesse alguns dos comentários postados nesse generoso espaço, pensaria que pedestres, motociclistas e ciclistas são demônios, enquanto motoristas de automóveis são verdadeiros anjos. Reunindo tudo, é só mais uma versão do antigo “só prestamos nós, homens, brancos, adultos e bem nascidos. O resto não presta”! Comentários que negam a realidade, tendo em vista que o número de acidentes, feridos e mortos que envolvem automóveis é infinitamente superior. Nas ruas das cidades, nas estradas e nas rodovias. E a barbeiragem é impressionante.

  2. A brigada deveria fiscalizar?É discutível, pois a brigada nem tem efetivo suficiente para cumprir sua função na segurança e vejam que outros não assumem sua parte.
    Art. 24. Compete aos órgãos e entidades executivos de trânsito dos Municípios, no âmbito de sua circunscrição:
    I – cumprir e fazer cumprir a legislação e as normas de trânsito, no âmbito de suas atribuições;
    II – planejar, projetar, regulamentar e operar o trânsito de veículos, de pedestres e de animais, e promover o desenvolvimento da circulação e da segurança de ciclistas;
    XV – promover e participar de projetos e programas de educação e segurança de trânsito de acordo com as diretrizes estabelecidas pelo CONTRAN;
    XVII – registrar e licenciar, na forma da legislação, veículos de tração e propulsão humana e de tração animal, fiscalizando, autuando, aplicando penalidades e arrecadando multas decorrentes de infrações;
    XVIII – conceder autorização para conduzir veículos de propulsão humana e de tração animal;

  3. Hoje passei um susto danado. Ia lá eu fazer conversão em uma via de mão única e quando olho para a direita, vejo que estava liberado e poderia convergir à esquerda. Do nada me aparece um rapaz em uma bicicleta vindo na contramão. Esbarrou no carro, que ficou arranhado. Graças a Deus ele não se machucou, mas, ainda disse que a preferência era dele. Uma bike, à noite, na contramão e sem sinalização nenhuma. Difícil, né. . .

  4. É assim que gosto de ver, malandro pagando de estudado com cultura, se assim fosse tão estudado, estaria se preocupando em melhorar o caus no transito na cidade, e não se preocupando com militares realizando atividade física, quem acha que ta ruim, vai lá no portão da guarda e diz isso para o cmt, e quem acha que o EB é só gasto, pede para sair de são luiz,
    É impressionante a cultura de muitos, vivem a vida só reclamando e criticando os outros, mas não apontam nem uma alternativa para melhorar, sempre se escondendo atras de codinomes.

  5. Me deu um arrepio na espinha quando li a notícia de que os preços das motos estão reduzindo…. quanto mais baratas, mais motos em SLuiz. Já é um caos. Aliás, caos é o trânsito de SLuiz que precisa URGENTE ser reestruturado. SLuiz tem 2 carros por habitante, que absurdo!(Não sei se as motos estão incluídas aí, acho que sim),
    Descer a Venâncio e voltar pela Avenida em torno das 19h (horário de início das aulas da URI à noite) é um pavor!
    Atenção candidatos: esse é UM dos problemas a serem resolvidos.

  6. Olá Sr. vegeta.

    Não tenho titã. Tenho uma CB.
    Nada tenho contra titanzeiros. Se o sr, tem algo contra eles, ataque-os e manifeste-se, mas isso é perigoso, vai que o sujeito seja violento e lhe quebre a pau.

    Respondi sua pergunta, o sr pode me responder uma:
    O SR. É DOMINGUEIRO?
    Ou é educado e compartilha a pista permitindo a ultrapassagem?
    Ainda: se for CG não dará ultrapassagem?

  7. Cavalo

    “Encho o motor e passo a milhão pela direita”

    ________________

    Putsss mais um Titanzeiro… deixa eu adivinhar.. tua titan tem as rodas verde limão né??? ou laranja???

    tsc tsc tsc

  8. Sr.”cavalo” é uma pena pq logo logo vc será mais um “mautoqueiro” quebrado tomando tempo e dinheiro da samu sus etc….
    Putz que droga..

  9. Vejamos:

    “liga o pisca, olhe no retrovisor se não vem nenhum carro atrás, faça a ultrapassagem… e siga seu caminho…”

    Mas e se o “domingueiro” idiota que está a frente ocupa todo o lado da pista, (como acontece na av. que tem todas aquelas tranqueiras com floreiras no meio da rua) se arrastando, se achando com seu caquinho…? nem dando bola pro resto do trânsito?.
    Bem, nestes casos sempre uso uma estratégia: Encho o motor e passo a milhão pela direita… (normalmente os “domingueiros” cretinos nesta situação ficam bravos…) Quando o estúpido ficar bravo e esboçar uma reação já estou a dois quarteirões…
    Nem sempre é possível estar correto…

  10. ao senhor POVO

    “Sao Luiz tem uns bacana que nao tem oque fazer e circulam com seus carroes a 10 por hora no meio da via como se fossem dono da rua,pouco ligando para quem trabalha e precisa andar mais rapido.”

    __________

    Vc não fez auto escola?? para de se lamentar…. não te ensinaram ultrapassar?? liga o pisca, olhe no retrovisor se não vem nenhum carro atrás, faça a ultrapassagem… e siga seu caminho… 😉 difícil né???

  11. Sim, ele teve uma experiência ruim no exército passado, e com o resto do mundo também deve ter tido, pois só critica mesmo.
    Ele escreve com vários codinomes, mas sempre com a mesma raivinha rsrss. Prêmio para quem adivinhar quem é, melhorou a escrita, mas a alma ainda é a mesma.
    A nossa cidade é marravilhosa, mas nada satistaz certas figuras, mataram o carnaval porque levava as crianças para o descaminho, hj deixam seis filhos irem a outras cidades ( afinal o que os olhos não veêm o coração não sente), perderam a universidade para os alemães vizinhos, reclamam do cheiro do frigorífico, reclamam de meia dúzia de corridas que os milicos fazem no centro.
    Cuidado, o dinheirinho que a milicada deixa em nossa cidade é bastante importante, e uma Cerro Largo da vida não se importaria em aguentar meia dúzia de corridas da tropa.

  12. Uma ciclista já bateu no meu carro, quando descia a avenida na contramão (entre Av. Senador e Monsenhor) ás 6hs da manhã, estava escuro e a bicicleta estava sem sinalização!

  13. SR. ADILSON SANTIS, NÃO VOU ENTRAR EM BAIXARIA, POISMEU NIVEL É OUTRO.
    MAS O SENHOR DEVE VERIFICAR O INDICE DE APROVAÇÃO SOBRE O QUE ESCREVI, POR ENQUANTO 7 A
    ZERO QUE JÁ TEM UMA BOA RESPOSTA.
    TENHA ESTUDO, CULTURA E EDUCAÇÃO. BOA NOITE.

  14. Sr: TO DE OLHO, na minha singela opinião o pessoal do EB deveria fazer os exercícios dentro da sua própria unidade, pq sair correr nas ruas?
    E no mais, fazer alguma atividade que honre os seus ótimos salários, tipo ajudar nas fiscalizações (contrabando,Drogas) nas estradas como fazem os nossos “hermanos” vizinhos, pois os dividendos estão saindo do Teu (nosso) bolso.

  15. Os ciclistas estao errados ao andar na contramao colocando em risco a sua integridade fisica e de outros,isso precisa ser mudado com uma campanha de educacao atraves da imprença,assim como os carros que circulam na mao unica no meio da pista ou na pista da esquerda a 20 km por hora.Qualquer pessoa que ja dirigiu em uma cidade grande sabe que a mao unica tem duas vias a da direita para quem anda devagar e a da esquerda liberada para quem precisa andar mais rapido.Mas aqui em Sao Luiz tem uns bacana que nao tem oque fazer e circulam com seus carroes a 10 por hora no meio da via como se fossem dono da rua,pouco ligando para quem trabalha e precisa andar mais rapido.

  16. Ao excelentíssimo “to de olho”, tenho reparado que vc não perde a oportunidade de criticar os soldados do EB, tamanha revolta com os integrantes dessa instituição, aposto que todo esse descontentamento deve provir de uma má experiencia na mesma ou até mesmo a suspeita ou comprovado par de aspa implantado por um militar em vossa senhoria.

  17. Verdade seja dita...

    meus parabéns ao guia…mas pouco adianta se eles os ciclistas não estão nem ai pra própria vida..hoje eu de carro fui dobrar na monsenhor na esquina do feron e olhei pra baixo ainda bem que vinha uma moto…um menino de bicicleta desceu a mil sem as mãos no volante…cheguei sentir um frio na espinha…uma criança….que imprudência….

  18. parabéns ao Guia , já esta na hora de orientar cobrar dos ciclistas que cumpram as leis de transito como meios de transporte.Já aconteceu de olharmos somente p o lado da via que vem carro e de repente na contramão vem o ciclista .Ta feita a encrenca…

  19. Saibam que a violência no transito acontece por imprudência (má conduta dos integrantes do transito). Isto inclui pedestre, ciclistas e motociclista, assim como os outros veículos. Precisamos de mais respeito e conhecimento sobre normas no transito, caso isso nao venha acontecendo deveriamos ter um sistema de multa municipal por agentes de transito, pois isso mexeria com o bolso de todos e ai a coisa muda.

  20. Ciclistas, pedestres, animais, automoveis, etc, etc, etc, mas o pior de tudo são as motos…

  21. Parabens Guia Sao Luiz. Quero ver quando acontecer o 1 acidente com esses ciclistas que andam na contramão. O que vao falar.

  22. ISTO É UMA COISA CORRIQUEIRA EM NOSSA CIDADE, EU MESMO JÁ DENUNCIEI VÁRIAS VÊZES NO GUIA SÃO LUIZ, ACHO QUE AS AUTORIDADES COMPETENTES SÓ VÃO TOMAR PROVIDÊNCIAS QUANDO UM VEÍCULO ATROPELAR UM CICLISTA IRRESPONSÁVEL DÊSTES, OU OS MESMO ATROPELAREM ALGUM TRANSEUNTE JÁ QUE PARA ATRAVESSAR A RUA, PRINCIPALMENTE NA AVENIDA OLHA-SE PARA ONDE VEM O FLUXO DE CARROS. MUITAS VÊZES ÊSTES IRRESPONSÁVEIS ANDAM CONTRAMÃO E EM CIMA DAS CALÇADAS.
    OUTRO FATO QUE DESEJO RECLAMAR É QUE O TRÁFEGO EM SÃO LUIZ, PRINCIPALMENTE NO CENTRO DA CIDADE, SEMPRE ESTÁ CONGESTIONADO E SEGUIDAMENTE SOLDADOS DO EXERCITO, TINHAM PARADO E RETORNARAM FAZER, INTERROMPEM O TRANSITO SIMPLESMENTE PARA PASSAR CORRENDO FAZENDO EXERCÍCIOS. SERÁ QUE NO QUARTEL NÃO TEL LUGAR APROPRIADO? SUGIRO QUE ENTÃO VÃO A PRAÇAQ CICERO CAVALHEIRO E CORRAM NA PISTA COMO TODO CIDADÃO SÃOLUIZENSE FAZ, POIS O DIREITO DE UM TERMINA ONDE INICIA O DO OUTRO. AFINAL, NOSSOS SOLDADOS SÃO PAGOS PARA DEFENDER NOSSA PÁTRIA OU DISPUTAR MARATONA?

  23. Parabéns ao Guia São Luiz pela matéria.

    Esse tema deveria ser debatido em uma emissora de rádio pra todos ouvirem e terem conhecimento que bicicleta é veículo de propulsão humana, de deve seguir o código de trânsito.

  24. Além de tudo que foi dito na reportagem e nos comentarios, também existe outro sério problema.
    Eu possuo carro e ja aconteceu comigo, ciclista atravessando na faixa de pedestres pensando que tem razão.
    Quero deixar bem claro aqui. Ciclista NÃO é pedestre.
    Outro dia vi um ciclistra atravessando a rua montado em sua bicicleta, e bem esperto passou pela faixa de pedestres. detalhe q ele estava bem rápido, se viesse um carro não daria tempo de parar.

  25. Um to entendendo, todo mundo quer resolver o seu problema, a preocupação não e com o acidente que pode ocorrer e sim com o carrinho do bacana que pode ficar riscado. Quantos registros de acidente com bicicleta têm e quantos com moto. Senhores

  26. ciclista nao mata gente moto e carro q mata

  27. O transito em sí está precário, é em toda parte. No caso de São Luiz é diferente pelo tamanho da cidade, São Luiz é muito pequeno para acontecer o que está acontecendo, os congestionamentos por exemplo nas ruas transversais a Venâncio e a Senador Pinheiro, e o pior que as vezes tem brigadiano alí nas esquinas e não fazem nada para organizar pelo menos um momento.
    Rotulas seria uma solução!

  28. Outro problema é nos horários de saída do trabalho, ao meio dia e à tardinha que dois ciclistas andam lado a lado na via, e os carros para desviá-los tem que quase invadir a outra pista. Isso é muito perigoso.
    Para informar a população sobre as leis para ciclistas a BM poderia fazer palestras nas escolas, assim como os bombeiros fazem para prevenção de incêndios. As crianças levam a informação para os familiares.

  29. Inês Teresinha Soares dos Santos

    Meus parabéns ao Guia pela iniciativa, a muito me preocupa as bicicletas na contramão, são trabalhadores, garotos se divertindo e até agora ninguém parecia incomodado com essa loucura toda, até que enfim voces tiveram a coragem e “peito” para levantar essa bandeira, espero que continuem, e as autoridades competentes tomem uma atitude urgente, nosso transito não tem comparação, está um verdadeiro caos.

  30. pingo: nao é bem assim né pq como tem os ciclistas q se acham donos da rua os motoristas tambem se acham donos da rua. pois se alguem esta com preça os motorista vao bem devagarinho pra que ir bem devagarinho se esta vendo que tem alguem querendo atravessar a faixa de segurança e nao param. se sao luiz nao começar a respeitar uns aos outros nada vai ser resolvido.

  31. tem que ficar bem claro que ciclista nao e pedestre,tem sim que andar na mao de direçao para nao atrapalhar o transito e respeitar as leis.

  32. REFORÇO o que o pessoal ta falando sobre as bicicletas no domingo a noite… durante os dias da semana as bicicletas são o de menos no trânsito.. é uma ou outra apenas.. e é gente indo trabalhar…

    o pior é esse pizado novo costurando os carros na praça, são 10, as vezes 15 bicicletas juntas… me da um frio na espinha quando vejo eles vindo no meu retrovisor.. e se algum desses guri arranhar meu carro eu vou reclamar com quem?? com o pai do guri???

    e logo alguem vai atropelar um piá desses…. e a culpa vai ser do motorista… mas quem dirige sabe que esses guri são doidos de bicicleta.. e assumem o risco..

    faço um apelo ao guia, que comunique a brigada sobre isso.. ele precisam controlar esse piazedo domingo a noite… se um deles riscar meu carro.. eu não sei o que vou fazer.

    abraços

  33. E se bater em um ciclista, não interressa quem tem razão, vc tem q pagar todos os danos dele!!!

  34. O Maior problema não é os senhores, rapazes e meninos sérios que andam de bicicleta para se locomover, mas sim esses piazedos que andam correndo nos meios dos carros, se atravessam na frente sem olhar para os lados, esses dias um se atravessou na frente do carro do meus marido e acabou ele batendo no carro e vou longe, foi cair perto da calçada, a sorte que meu esposo vinha de vagar, mas mesmo assim quebrou e amassou a parte da frente do carro, mas o infeliz do moleque não se machucou , levantou pegou a bicicleta e sumiu. Mas garanto que se tivesse se machucado vinha se encher de razão e nós teríamos nos incomodados de monte, mas como não se machucou resolveu sumir para não levar bronca( mas a minha vontade era de quebrar a cara dele já que não se quebrou na batida). Eles andam e se atravessam na frente dos carros como se fossem dona da rua, e não querem saber de nada, pq se der alguma coisa eles é que vão ficar de vitimas e o motorista será o culpado.Vê se pode isso?? Tem uma gurizada ( não são todos, pq tem meninos que andam por lazer e esporte) que andam pedindo para levar, a hora que uma praga desta partir desta para uma melhor não venham os pais querem reclamar, pq na hora de educar os filhos eles fecham os olhos e lavam as mãos.

  35. Mas e verdade tem que dar um jeito nisso ai.Não chega as motos encomodando.

  36. Eleitora sãoluizense

    A brigada também deve começar a cobrar mais dos ciclistas que estão surgindo nas noites de são luiz, pois são menores que estão fazendo arruaças no centro da cidade, atrapalhando o transito, correndo com suas bicicletas por meio dos carros, arriscando suas vidas e também podem vir a provocar acidentes. Alguns chegam a provocar a brigada, usando capacetes e gritando no meio dos carros como se estivessem acelerando motos. Acho que o conselho tutelar deveria se fazer presente juntamente com a brigada, pois trata-se de menores, será q os pais sabem oq seus filhos andam fazendo? porque tenho certeza que no momento que acontecer algum acidente, serão os primeiros a pedirem justiça, e quererem briga com o condutor responsabilizado pelo acidente, mas até então, estão em suas casas tranquilos sem saber oq seus filhos estão fazendo no transito da cidade. Acredito que uma vez feito a correção desse ato evitaremos acidentes e demais problemas que podem ocorrer se tratando disso.

  37. ja tive problemas com ciclistas eles acham que sao donos da rua andam como querem sem sequer se preocupam com as preferenciais.

  38. E enquanto isso os ciclistas vão seguir sem ter conhecimento nenhum sobre as leis de transito e vão continuar se achando os donos da razão sempre… Até que atropelem uma criança, daí vão querer fazer alguma coisa para mudar………..

  39. Prezado guia, as reclamações não são em relação as pessoas que usam a bicicleta como meio de transporte,mas sim sobre aqueles que usam pra dar ‘bandinhas’ no centro em horarios de movimento sexta, sabado e domingo,na maioria adolescentes que não respeitam os carros e descem as avenidas como se fossem velocistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *