Orci Machado – AGAUCHADO

Agauchava-se aos poucos, o programa The Voice Brasil; algo que ficou mais evidente a partir do momento em que, na edição mais recente do adulto, a grande Cristyelen Camargo a apresentou-se cantando Um Tango Para Tereza, de Ângela Maria; o 1º tango interpretado no programa e após virar a cadeira de Carlinhos Brawn disse” eu venho lá do garrão do Rio Grande do Sul, eu venho lá de Bagé”; enchendo-nos de honras e tendo ótimo desempenho; sobre o que já falamos no texto Entre Afonso e Milena.

Encerrada aquela edição, em dezembro passado, eis que começaria o Kids e teríamos a honra e a satisfação de, entre outros nove gauchinhos classificados durante as audições às cegas; vermos o pequeno grande Thomas Machado virando todas as cadeiras ao abrir sua “cordiona”* e sua garganta; enquanto envergava bombacha, colete, boina e calçava sua alpargata. Apresentando-se com autenticidade, originalidade, simplicidade, humildade, competência e empatia; desde as audições às cegas até a final e tendo interpretado consagrados clássicos da música sertaneja de raiz; a começar por Beijinho Doce, passando por Rancho Fundo e Menino da Porteira; tendo a Culminância em Asa Branca, na final; sendo que também interpretou Pra Ver a Banda Passar, com as meninas, em meio ao concurso; sem jamais comprometer em nada e ainda tendo o cuidado de cantar sem usar seu chapéu ou sua boina quando interpretava músicas da MPB, por exemplo; demonstrando sua maturidade e seu compromisso com sua identidade cultural. Na final ainda cantaria outras músicas com seus convidados e também com a Ivete e ainda interpretaria Planeta água.

Sagrou-se campeão e sua vitória é fruto de tudo o que já está tanto explícito, quanto implícito no que relatamos e gostaríamos de parabenizá-lo; desejando-lhe todo o sucesso que o mesmo merece e que continue com todas as virtudes acima citadas; tendo toda a proteção e luz necessárias nesse meio de tanta concorrência; onde muita porcaria é promovida, via de regra e em função de interesses econômicos; em detrimento da qualidade antológica e musical. Que Deus o abençoe sempre e que assim como o fez durante todo o programa, continue honrando a sua cultuara e com ela, todos os gaúchos espalhados por este país continente e pelo mundo!

Fonte: Orci Machado

loading...

2 Comentários

  1. Oh Bill

    Tem vivente que consegue ver só até a cerca do mandiocal. Arte não tem fronteiras. Criticar é fácil.

  2. E a Nordestina Maria Bonita, que mora em São Luiz Gonzaga e vai pra Novela de SP , o que achas? O Centro de Tradições Nordestinas de São Luiz Gonzaga vai de vento em popa não é mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *